Olá Visitante! Cadastre-se ou faça seu Login
Login com Facebook
ou
Você está em Douradina / PR

Você está aqui: Home / Colunistas / Atividade Física e Qualidade de Vida / COLESTEROL – PARTE III
Atualizado


COLESTEROL – PARTE III

Já sabemos que o colesterol [1], é uma substância produzida pelo fígado que executa e/ou auxilia nas funções do organismo, sendo vital para a produção de hormônios e metabolizar as vitaminas lipossolúveis como vitamina A, D, E e K, entre outras coisas. O colesterol não se dissolve na corrente sanguínea, mas sim, é transportado por meio dela, pelas chamadas lipoproteínas [2]. Há 2 tipos de lipoproteínas: a de baixa densidade - LDL - e de alta densidade - HDL.


Quer compreender o porquê esta questão é passível de gerar distorção quanto ao que é bom ou o que é ruim?! O nome para isso é “Lipoproteína de Baixa Densidade” - “LDL”. Primeiro: Não existe apenas um tipo de LDL, e sim dois! Padrão A (LDL-A) e Padrão B (LDL-B), que se referem ao tamanho de partículas de colesterol LDL no sangue.


O chamado padrão A ou “grande e flutuante“ – tem partículas maiores deste LDL, leve que flutua pela corrente sanguínea, sem ter possibilidade de se infiltrar entre as células endoteliais dos vasos sanguíneos para sequer iniciar o processo de formação de placa ateromatosa. Já o LDL tipo B é denso, não flutua e é pequeno o suficiente para se infiltrar sob a superfície das células endoteliais e iniciar a formação da placa. Afinal quem destes é o verdadeiro vilão?! Podemos considerar “ruim” de fato o LDL tipo B, que pode ser associado ao risco de doença cardíaca [3].


Se temos definido quem é quem (HDL e LDL A e B), por que o colesterol sempre foi tarjado com o rótulo “risco à saúde”?! Simples. O que aparece nos exames de sangue de rotina como colesterol medido é o resultado de uma combinação entre o padrão A e o B. Sem especificar. Esta análise do colesterol total pode ser enganosa, pois inclui tanto o "bom" colesterol de lipoproteína de alta densidade (HDL) como o "mau" - lipoproteína de baixa densidade (LDL). Portanto, se o seu colesterol total está na categoria desejável, é possível que você tenha níveis insalubres de HDL (muito baixo) e LDL (muito alto). Pense no colesterol total como uma avaliação primária, em que não se devem tomar decisões de tratamento com base neste número sozinho [4].


Para decifrar qual é a produção de cada tipo de LDL devem ser analisados o triglicérides e o HDL colesterol como veremos no próximo artigo.


 


Referências:

[1]
http://www.heart.org/HEARTORG/Conditions/Cholesterol/AboutCholesterol/Good-vs-Bad-Cholesterol_UCM_305561_Article.jsp#.WPYbMNLysdU 
[2] 
http://www.zoeharcombe.com/the-knowledge/we-have-got-cholesterol-completely-wrong/ 
[3]
http://www.cardiachealth.org/high-cholesterol-high-ldl-high-hdl 
[4]
http://www.health.harvard.edu/heart-health/which_cholesterol_test_should_you_get


 


 


Profª Esp. Andréia Luiz


 


CREF – 004703-G/PR



Fonte: http://www.heart.org/HEARTORG/Conditions/Cholesterol/AboutCholesterol/Good-vs-Bad-Cholesterol_UCM_305561_Article.jsp#.WP

Deixe seu comentário

Você está em Douradina / PR
Portal Douradina
Unidade Douradina, PR


Geazer Rodrigues dos Santos Silva - ME - 17.055.660/0001-72
© 2008-2017 Copyright Franquia Portal da Cidade ®
X