Olá Visitante! Cadastre-se ou faça seu Login
Login com Facebook
ou
Você está em Douradina / PR

Você está aqui: Home / Colunistas / Atividade Física e Qualidade de Vida / ESTADO EMOCIONAL X DORES NO CORPO
Atualizado


ESTADO EMOCIONAL X DORES NO CORPO

Quem já ouviu falar que o corpo padece daquilo que a alma chora? Sim, é verdade.


Aquilo que você sente e seus pensamentos podem ter impacto direto em sua saúde, manifestados em forma de dor física. 
Há uma razão pela qual falamos sobre “carregar o peso do mundo nos nossos ombros". Nossas vidas cada vez mais estressantes causam dor física. Se você está gostando do que está fazendo, seu corpo libera endorfinas, mas quando você está estressado, você está liberando muita adrenalina. Essa adrenalina, se não for “queimada” vai construir depósitos de ácido lático no músculo, que poderão formar “nós”, que pressionam os nervos sensoriais e seu cérebro emite uma mensagem: há uma dor aqui.

Muitas pessoas já estão familiarizadas com o fato de que o estresse emocional pode levar à dor de estômago, síndrome do intestino irritável e dores de cabeça, no pescoço, nas costas. 
Popularmente, chamamos estas situações de “doenças de fundo emocional”, que podem se apresentar de formas diferentes: o transtorno de somatização e o psicossomático. Nos casos em que há somatização, a pessoa não apresenta uma doença física comprovada, porém manifesta sintomas físicos, e estes são de “fundo” emocional.


Podemos exemplificar com a chamada “Síndrome do Coração Partido”, que é uma crise cardíaca que se assemelha a um infarto, oriundo da descarga de adrenalina por estresse emocional, mas que na maioria dos casos, não gera dano irreversível. O sofrimento emocional “abafado” se manifesta por meio de dores físicas sem uma causa clínica específica.


Já o transtorno psicossomático é quando a dor emocional já causou algum dano físico comprovado por exames clínicos e laboratoriais. É uma doença física verdadeira, mas de causas psicológicas, ou seja, a ação emocional foi intensa e gerou uma enfermidade no corpo.

Esta relação de como as nossas emoções podem intoxicar nosso organismo, a começar pelo cérebro, demonstra a importância da conexão corpo-mente-espírito.


--> A melhor forma de prevenir a ocorrência de enfermidades de origem emocional é criar hábitos saudáveis, evitar brigas, manter períodos de lazer, descanso com qualidade, boa alimentação e canalizar emoções negativas para atividades físicas. Isso ajuda a manter o equilíbrio!


Fontes:


Helfenstein M, Feldman D. Síndrome da fibromialgia: características clínicas e associações com outras síndromes disfuncionais. Rev Bras Reumatol. 2002;42:8-14.


Berber JSS, Kupek E, Berber SC. Prevalência de depressão e sua relação com a qualidade de vida em pacientes com síndrome da fibromialgia. Rev Bras Reumatol. 2005;45:47-54.


 


Profª Esp. Andréia Luiz


CREF – 004703-G/PR



Fonte: Weidebach WFS. Fibromialgia: evidências de um substrato neurofisiológico. Rev Assoc Med Bras. 2002;48:291-5.

Deixe seu comentário

Você está em Douradina / PR
Portal Douradina
Unidade Douradina, PR


Geazer Rodrigues dos Santos Silva - ME - 17.055.660/0001-72
© 2008-2017 Copyright Franquia Portal da Cidade ®
X