Olá Visitante! Cadastre-se ou faça seu Login
Login com Facebook
ou
Você está em Douradina / PR

Você está aqui: Home / Colunistas / Psicologia / Relacionamento Conjugal: O oposto da solidão é a intimidade.
Atualizado


Relacionamento Conjugal: O oposto da solidão é a intimidade.

 


                                                                                                             Texto: Marta Santos de Oliveira.


                                                                                                              Foto:.Marta Santos Oliveira.                                   “O fortalecimento das conexões através da vulnerabilidade”; este foi um  dos temas abordado no módulo internacional que participei na última semana. Falarei um pouco sobre o assunto e como presente deixo  frases e perguntas que podem ajudar  em seu relacionamento.


 O que podemos entender sobre a verdadeira intimidade do casal?


A satisfação na relação e a intimidade do casal pode ser entendido  como  o conhecimento de si mesmo e a revelação de quem somos  para o outro.


 O oposto da solidão é a intimidade.


Essa conexão  significa conhecer, partilhar, abraçar,  acariciar as mãos ,os cabelos,  brincar e rir juntos,    fazer graça um ao outro, ser amigo e parceiro de modo que nos surpreendamos com as nossas diferenças estando ao lado de quem nos surpreende .


Segundo pesquisas o toque diário com duração de 60 segundos libera a conexão física fazendo ligação que alimenta o romantismo facilitando a abertura de “Estar presente” , ”Eu tenho esta hora para ficar com você “. Mostrar-se vulnerável é estar presente de corpo e de alma sem medo de olhar nos olhos!  Sem medo de modificar nossos comportamentos!


 Quanto mais percorremos um   caminho , mais profundo ele  se torna!


Na verdade estamos ligados pela repetição de comportamentos em formas de pensar, sentir e agir; Segundo David Van Dyke; “ Não esperar nada de volta no relacionamento pode ser considerado  também como escapismo da vulnerabilidade “.  A   forma como a gente interage vai fazendo a gente repetir o  mesmo comportamento e isto afeta como a gente interage.


Praticar novos caminhos é uma escolha!  O cérebro é um órgão de adaptação, você é o que você faz!


Em resumo; “A necessidade de conexão de um casal é uma dança!  É  um tango límbico!”  Com Carinho para todos que curtiram minha participação no módulo Internacional  “O Casal e a intimidade: o fortalecimento das conexões através da vulnerabilidade com o Palestrante Americano David Van Dyke.


Um abraço!


 Psicóloga  Marta Santos Oliveira     -  CRP08/8382.


Clínica  CAPHE.-  Atendimento infantil, adultos e casais.


 


 


(44)3622 7638- 99670337- 99682459.  Umuarama-Pr.



Fonte: texto e foto Marta Santos Oliveira.

Deixe seu comentário

Você está em Douradina / PR
Portal Douradina
Unidade Douradina, PR


Geazer Rodrigues dos Santos Silva - ME - 17.055.660/0001-72
© 2008-2017 Copyright Franquia Portal da Cidade ®
X