Portal da Cidade Douradina

Saúde

Meus Glúteos? Cadê? Saiba agora como solucionar este problema

Em seu novo artigo, a colunista Andréia Luiz ensina exercícios para o desenvolvimento dos glúteos.

Postado em 14/08/2018 às 19:36 |

(Foto: Ilustrativa)

Primeiramente, é importante destacar que Exercícios Multiarticulares são mais Eficientes para o desenvolvimento dos glúteos, ainda sim, algumas pessoas batalham mais, pois seu BIOTIPO não lhes favorece - nada que a REGULARIDADE e PERSISTÊNCIA, não resolvam;

Caso sua MOBILIDADE ARTICULAR e sua FLEXIBILIDADE também forem ruins, seu Glúteo NÃO IRÁ SE DESENVOLVER: Insuficiência Ativa e/ou passiva, inibição recíproca, podem ser as causas;

E agora? O que eu faço Professor?

Após uma Avaliação Funcional, Postural e Cineantropométrica, ter um prognóstico para se ter um “Norte” - certamente os Resultados irão aparecer;

Onde faço isso Professor?

Profissionais de Educação deveriam saber fazer, porém, á maioria não sabe;

Neste caso, procure um Fisioterapeuta ESPECIALISTA, para que ambos possam trabalhar em Equipe Multidisciplinar; .

E descer? Até onde?

O IDEAL seria ultrapassar o Ângulo de 90o relação Quadril/Joelho - mas se perceberem a perda de alguma das Curvaturas Anatômicas da Coluna Vertebral, PARE!

”EM MÉDIA”, após 8 a 12 semanas, você já terá outra Postura, terá ganhado maior amplitude, os resultados já estarão visíveis;

PERIODIZAR: Força, Mobilidade e Flexibilidade - tudo faz parte do Treino;

No período inicial, é recomendado o Trabalho de FLEXIBILIDADE com umas 6h de diferença do Treino de Força, a fim de Evitar Lesões - não confunda FLEXIBILIDADE com ALONGAMENTO (este deve estar presente SEMPRE);

LEMBRE-SE: “Professor que não sabe FAZER, não saberá CORRIGIR” – treinem professores!

JAMAIS reproduza um Treino sem a Supervisão de um Profissional de Educação Física CAPACITADO!

LEMBRE-SE: “Para ter a bunda que você quer, primeiro você precisa sair de cima da Bunda que você tem!

Agora que já sabemos que os Exercícios Multiarticulares são mais Eficientes para desenvolver os Glúteos, MAS, sabemos que muitos (a MAIORIA), não conseguem esta Eficiência devido à PÉSSIMA Técnica (Mecânica do seu Movimento), e que a Técnica comanda a ação Cinesiológica (Maior Eficiência no Músculo Alvo), e que tudo isto está diretamente ligado a ENCURTAMENTOS MUSCULARES em demasia, bem como péssima MOBILIDADE ARTICULAR - características que conseguimos enxergar já numa Avaliação Postural/Funcional (sejam elas Estáticas ou Dinâmicas);

O QUE FAZER?

”Agora o Bicho pega”, vamos lá:

Exercícios ISOLADOS (tão condenados) podem nos ajudar a reativar MÚSCULOS “ADORMECIDOS”, especialmente o GLÚTEO;

A Elevação de Quadril é uma excelente opção; eu arriscaria dizer que outros da mesma forma (quando bem feitos, claro), EXEMPLO: uma Abdução de Quadril Unilateral em Decúbito Lateral com a Perna Estendida (Trabalho para o Tensor da Fáscia Lata), importantíssimo para Evitar Desequilíbrios Musculares com os Adutores de Quadril (além de “quando bem aplicado”, unido a tudo que já foi escrito, pode AUXILIAR à corrigir a famosa Depressão Troncantérica (aquele “buraco” que se forma ao lado do seu Quadril). AUXILIAR não é SOLUCIONAR;

Não há demérito nenhum em não saber o que fazer. Se você se acomodasse não seria Demérito, seria IRRESPONSABILIDADE. Sei que não é o caso;

É ÓBVIO: este Tema não se Resume a apenas estas informações! Porém, ao LER este Artigo, espero que REFLITAM a respeito, do contrário, infelizmente nem você Professor, não tão poucos quem contrata o seu Serviço, saberá O VALOR QUE TEMOS PERANTE A SOCIEDADE;

Leiam, interpretem “VIAGEM” nas possibilidades, mas PRINCIPALMENTE tenham em mente que para cada Indivíduo que possui alguma destas dificuldades, a nossa Intervenção como Profissionais será de SUMA IMPORTÂNCIA para a Eficiência e Segurança na prescrição de Exercícios - para quem não sabe como intervir, “NUNCA é tarde para Aprender”!

SE FOSSE FÁCIL, todos teriam o “GLÚTEO DOS SONHOS”;

Licenciatura em Educação Física pela UEPG – Universidade Estadual de Ponta Grossa. Credenciada em Personal Trainer. Especialização em Personal Trainer pela FCV - Faculdade Cidade Verde – Maringá – PR.

Profª Andréia Luiz

CREF – 004703-G/PR

Licenciatura em Educação Física pela UEPG – Universidade Estadual de Ponta Grossa. Credenciada em Personal Trainer. Especialização em Personal Trainer pela FCV - Faculdade Cidade Verde – Maringá – PR.

REFERÊNCIAS:

Neumann DA. Cinesiologia do aparelho musculoesquelético: fundamentos para reabilitação física. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2006.

Gardner E, Gray DJ, O’Rahilly R. Anatomia, estudo regional do corpo humano. 4ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 1978.

Fonte:

Deixe seu comentário