Portal da Cidade Douradina

COVID-19

Fiscalização encerra festa clandestina e multa 16 pessoas, em Douradina

Os valores das multas variam de R$ 1.000 a R$ 5.000 reais, e em caso de reincidência esse valor pode ser dobrado.

Postado em 23/05/2021 às 22:35 |

Segundo a polícia, os abordados não faziam uso de máscaras, e ainda causavam aglomeração. (Foto: Divulgação)

A Polícia Militar de Douradina em conjunto com a Vigilância Sanitária realizou neste fim de semana uma operação de fiscalização de controle das medidas sanitárias para conter a propagação da Covid-19, em Douradina. Durante a fiscalização, 16 pessoas foram multadas por aglomeração e por não utilizarem a máscara de proteção. A ação contou com o apoio da equipe Canil do 25º Batalhão.

"Estamos realizando fiscalizações desde março do ano passado em todos os finais de semana, foram dezenas de notificações aplicadas e várias campanhas de conscientização pelo comércio. Verificamos então que nesse momento onde a situação ficou crítica e a população continua inconsciente e inconsequente não poderíamos mais trabalhar dessa forma, começamos então a aplicar as infrações", afirmou Ana Paula Carvalho, coordenadora da Vigilância Sanitária.

Na sexta-feira (21), um estabelecimento comercial foi autuado. Já neste sábado (22) o setor de fiscalização recebeu uma denúncia de uma festa clandestina que acontecia em uma chácara na estrada, saída para Vila Formosa. Ao chegar no local, as equipes constataram a confraternização. Na ocasião, 12 pessoas foram abordadas. Destas, 4 eram menores de idade.

O comandante da PM de Douradina, Sargento Ronaldo Oliveira explicou que a confraternização acontecia num período não permitido, e em desacordo com o Decreto Municipal, "Os abordados não faziam uso de máscaras, e ainda causavam aglomeração", disse o Sargento.

Diante dos fatos, foi solicitado a presença do Conselho Tutelar, que fizeram contato com os pais e responsáveis dos menores, os quais assinaram um termo de compromisso e responsabilidade para liberação.

Além da notificação de um estabelecimento comercial, a Vigilância Sanitária aplicou 16 multas pelo descumprimento do uso das máscaras de proteção neste fim de semana. Os valores das multas variam de R$ 1.000 a R$ 5.000 reais, e em caso de reincidência esse valor pode ser dobrado. Essas pessoas autuadas tem um prazo de 15 dias para entrar com recurso contra a multa aplicada.

A Prefeitura informa que as operações de fiscalizações serão intensificadas. Em caso de denúncias, o cidadão deve ligar para a Polícia Militar através dos números 190 ou (44) 99821-5044 ou para a ouvidoria do Município através do (44) 3663-1579.

Fonte:

Deixe seu comentário

Outras notícias

data-matched-content-ui-type="image_stacked" data-matched-content-rows-num="2" data-matched-content-columns-num="3">

Mais Lidas