Portal da Cidade Douradina

CRISE

Professores ficam feridos em confronto com a polícia e sessão da ALEP é suspensa

No final da tarde, em assembleia, os professores decidiram que a greve está mantida.

Postado em 03/12/2019 às 17:38

(Foto: Reprodução/Rede Sociais)

Pelo menos dois professores, segundo o Sindicato dos Trabalhadores de Educação Pública do Paraná (APP-Sindicato) ficaram feridos em confronto com a Polícia Militar na tarde desta terça-feira (3), em Curitiba.

Os servidores são contra a reforma da previdência, que deveria ser discutida na sessão da Assembleia Legislativa desta tarde. Após o confronto, o expediente foi cancelado. 

"Mesmo depois da ocupação pacífica e da sessão suspensa, dentro da Assembleia Legislativa, que não tem circulação de ar, policiais continuaram atacando servidores - o primeiro confronto ocorreu na parte externa - com gás e spray de pimenta", diz um comunicado do sindicato. 

Ainda segundo a entidade, um professor teria sido preso, dois hospitalizados e três atendidos pelas equipes de saúde com problemas nos olhos causados por spray de pimenta. 

No final da tarde, em assembleia, os professores decidiram que a greve está mantida. A situação voltará a ser abordada em outra assembleia, nesta quarta (4). 

A PM ainda não emitiu um parecer sobre o ocorrido no Centro Cívico.

Fonte:

Deixe seu comentário